Início Reportagens Desafio Criativos premia projetos de cinco regiões

Desafio Criativos premia projetos de cinco regiões

Projetos contemplaram diversidade e relações identitárias

73
0
COMPARTILHE

Em um mundo onde o sucesso individual é amplamente estimulado, coroar a experiência coletiva e a intervenção comunitária é uma frente de batalha. Este ano a 3ª edição do Desafio Criativos da Escola premia onze projetos produzidos por educandos e educadores, com projetos que contemplaram a partir de perspectivas solidárias temas como a diversidade e as relações indenitárias.


Este ano os vencedores vieram de nove estados, premiando iniciativas das cinco regiões do país. São eles: Amazonas, Bahia, Ceará, Distrito Federal, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo.

O Desafio 2017 recebeu projetos de 436 cidades brasileiras, sendo que a Bahia liderou, pela terceira vez, a quantidade de inscrições: no total, foram 501 iniciativas inscritas, seguido por São Paulo (213), Rio de Janeiro (131), Minas Gerais (129) e Ceará (72). Ao todo, 1492 histórias foram analisadas pela comissão julgadora.

Os representantes das ações escolhidas receberão prêmios em dinheiro para a iniciativa e para os professores orientadores. O potencial de transformação social das ações realizadas e o quanto contribuíram para o desenvolvimento da empatia, colaboração, criatividade e protagonismo dos estudantes foram pontos levados em conta. Alunos e representantes dos grupos escolhidos se encontrarão na cerimônia de premiação, dia 5 de dezembro, no Museu do Amanhã, do Rio de Janeiro.

Conheça os premiados

Destaque Nacional

  • A visão do Rap: música e educação – Escola Técnica Estadual Jaraguá – São Paulo (SP)
  • Ciclo de Estudos sobre História e Culturas Afro-Brasileiras – Colégio Técnico Industrial de Santa Maria – Santa Maria (RS)
  • Da Escola para o Mundo – Colégio Estadual Deputado Luis Eduardo Magalhães – Alagoinhas (BA)
  • Eco fossa: O uso da fibra do coco na construção de fossas ecológicas – EEEP Pedro de Queiroz Lima – Beberibe (CE)
  • Em defesa do córrego Guará – Centro de Ensino Médio Júlia Kubitschek / Brasília (DF)
  • Entrelinhas: uma plataforma socioeducacional – EEM Ronaldo Caminha Barbosa – Cascavel (CE)
  • Sem vergonha – Centro Educacional Marista Irmã Eunice Benato – Curitiba (PR)
  • Sí, yo te entiendo! – EMEF Escritora Carolina Maria de Jesus – São Paulo (SP)
  • Voz Ativa – Escola Estadual Julio César de Moraes Passos – Manaus (AM)
  • Xeque-Mate: no game, no life – CIEP 240 Haroldo Teixeira Valladão – São Gonçalo (RJ)

 Destaque Parceria Votorantim pela Educação

  • Educação a favor da saúde (PVE) – Escola Básica Municipal Victória Cerutti Petters  – Apiúna (SC)