COMPARTILHE
Fachada do Museu da Imigração, em São Paulo. Créditos: divulgação

Em homenagem aos 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, completos na segunda-feira 10, museus do Estado de São Paulo promovem a ação “Sonhar o Mundo”, que prevê a realização de exposições, debates, oficinas, palestras, filmes e diversas atividades que incentivam a reflexão sobre solidariedade e Direitos Humanos.


A programação acontece até o dia 16 de dezembro em pelo menos 14 museus da capital e do interior de São Paulo e envolve todas as unidades da Secretaria da Cultura do Estado e o Memorial da Inclusão, e da Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência.

Leia Também:
13 filmes que abordam os Direitos Humanos
Como trabalhar os direitos humanos?

A programação completa está disponível no hotsite criado especialmente para a campanha ou pela plataforma SP Estado da Cultura, que reúne eventos em todo o estado. Também é possível acompanhar via aplicativo SEC – Sistema Estadual da Cultura.

CAPITAL

Museu da Imigração
O museu convida o público a visitar a exposição “Infância Refugiada”, composta por fotografias da brasileira Karine Garcêz que mostram crianças em situação de refúgio no Líbano, na Turquia e na Síria. Em todos os sábados e domingos de dezembro, acontecem visitas educativas à exposição “Crianças que Migram”, sobre a infância e os processos migratórios.

Já no dia 15, às 14h, em parceria com o Memorial da Inclusão e o Museu da Diversidade Sexual, será realizada uma visita integrada pelas três instituições, com discussões sobre estereótipos, acessibilidade e espaço público. As vagas são limitadas e, para participar, é necessário realizar inscrição pelo email: [email protected]

Museu da Diversidade Sexual
No dia 12, às 10h30 e às 15h30, acontecem visitas educativas com os educadores sobre Direitos Humanos e sexualidade, e às 18h, acontece o bate papo “Os Direitos LGBTs”, com os professores Renan Quinalha e Fabio Mariano, sobre os Direitos da Comunidade LGBT. No dia 15, 10h, o museu convida a todos para a atividade “Meus Direitos”, intervenção com os artigos da Declaração Universal dos Direitos Humanos. 

Museu Afro Brasil
A unidade convida o público para uma edição especial da contação de história “Aos Pés do Baobá”, com o tema “Sonhar (e Transformar) o Mundo” e roda de conversa, no dia 15 de dezembro, às 11h. Por meio da história, os participantes serão convidados a refletir a respeito dos 130 anos da Abolição da Escravidão no Brasil, os 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos e os 30 anos da Constituinte Brasileira. Para participar, é necessário realizar inscrição no site do museu.

Memorial da Resistência
O museu propõe visita à exposição de longa duração, voltada para o histórico do edifício e seus desdobramentos de controle, repressão e resistência, e às exposições temporárias, que apresentam argumentos extraídos da mostra de longa duração e são divididas em três vertentes: uma com base em pesquisas realizadas pela equipe do Memorial; uma relacionada à América Latina e ao Programa de Residência Artística; e uma desenvolvida de acordo com propostas externas.

No dia 10, às 10h, realiza visitas espontâneas e mediadas à exposição temporária “Canto Geral: a luta pelos Direitos Humanos”, com atividades educativas ao final. No dia 12, às 11h, será a vez da visita à exposição “Ser Essa Terra: São Paulo, Cidade Indígena”, sobre a resistência indígena na cidade de São Paulo, com curadoria das comunidades que habitam a cidade e mediação de Daniel Kairóz e Marília Bonas.

MIS – Museu da Imagem e do Som
No dia 10, às 14h, educadores irão apresentar seus projetos ou pesquisas sobre temas pertinentes ao atendimento de público em museus. No dia 13, às 10h, a mostra acessível a deficientes visuais “Cidade (In)acessível” vai expor registros de 15 cegos que registraram a cidade de São Paulo por meio de outros sentidos, mostrando como percebem a cidade em que vivem sem enxergar. No mesmo dia, às 19h, acontece um bate-papo sobre exposições acessíveis com a museóloga Carla Grião e João Kulcsár, curador da exposição.

Museu do Futebol
O museu inaugura, no dia 15, às 11h, a visita educativa virtual “Muito Além do Futebol”, um vídeo com roteiro adaptado em Libras, que aborda os diferentes olhares do Museu e busca engajar o público surdo a participar cada vez mais do espaço. No mesmo dia, às 14h, acontece o “Sarau Poético”, com a proposta de ser um espaço literário de inclusão e diversidade e uma pausa divertida durante a visita à exposição.

Fachada da Pinacoteca

Pinacoteca
No dia 14, às 10h30, inicia a ação “JogaJunto”, em que disponibiliza jogos relacionados aos artigos da Declaração de Direitos Humanos. E no dia 15, às 14h30, acontece visita educativa na exposição “Arte no Brasil: uma história na Pinacoteca de São Paulo”. Não é necessário realizar inscrição.

Museu de Arte Sacra
No dia 15, às 15h, o Museu de Arte Sacra vai promover a caminhada “Lugares de memória: uma caminhada na região da Luz/Bom Retiro”, com o objetivo de mapear os museus e monumentos da região e os grupos e memórias representados no espaço, refletindo sobre a questão “Como podemos pensar os direitos humanos a partir desses lugares?”.

INTERIOR

Museu Felícia Leirner
O museu em Campos do Jordão realiza, ao longo do mês de dezembro, a ação “Comente a Declaração” em suas redes sociais, com postagens semanais de trechos selecionados da Declaração Universal dos Direitos Humanos acompanhados de uma pergunta que estimulará o público a manifestar suas opiniões sobre o tema.

No dia 11, às 10h30, a oficina “Viva as Diferenças” estimulará a reflexão sobre a importância das diferenças na construção de um mundo plural e mais justo, tendo como base a Declaração Universal dos Direitos Humanos. No mesmo dia, às 15h30, os visitantes serão convidados a explorar o museu e abordar a questão “Cultura, Arte e Ciência são Direitos Humanos?”.

Museu do Café
O museu em Santos apresenta o “Cine Debate”, no dia 11, às 15h, com exibição de filmes nacionais seguidos de rodas de conversas, focados nos Direitos Humanos.

No dia 14, às 15h, a palestra “Convivendo com a Deficiência Visual” abordará conceitos e métodos de trabalho que contribuem para o desenvolvimento da acessibilidade em museus e centros culturais.

No dia 15, às 10h, a oficina “Mulher e Trabalho”, com o artista plástico Paulo Von Poser, propõe a realização de uma homenagem às mulheres que trabalham na catação do café, abordando reflexões sobre Direitos Humanos, o cotidiano de trabalho dessas profissionais e paralelos sobre questões relativas à gênero e ao trabalho.

Museu Casa de Portinari
Na unidade em Brodowski,a partir do dia 11, o público terá oportunidade de assistir ao vídeo “Declaração Universal dos Direitos Humanos Completa 70 anos”, da ONU Brasil.

No dia 12, às 16h, o museu realiza a “Roda de Conversa: 70 anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos”, com uma reflexão sobre o tema.  E no dia 14, a atividade “Conhecendo e Conversando” vai propor aos adolescentes um bate-papo sobre igualdade e o combate ao preconceito.

Museu Índia Vanuíre
O museu em Tupã vai compartilhar, nas redes sociais, a partir do dia 10, diversos vídeos com depoimentos de pessoas expondo suas considerações sobre os Direitos Humanos.

No dia 12, às 9h, a palestra “Os Direitos da Mulher”, ministrada pela delegada da Mulher, Cristiane Camargo Braga, discute os direitos das mulheres.

No dia 13, às 9h, a palestra “Preconceito Racial”, com André Blackrap, presidente da ONG Umont – União do Movimento Negro por Todos, ministrará uma palestra e – por meio de dinâmicas, exibição de vídeos e bate-papo com o público – vai promover a reflexão e estimular o combate ao racismo, preconceito e discriminação.

SERVIÇOS

Museu da Imigração
Endereço: Rua Visconde de Parnaíba, 1.316, Mooca
Tel.: (11) 2692-1866
Funcionamento: de terça a sábado das 9h00 às 17h00; aos domingos, das 10h00 às 17h00.
R$ 10,00 (meia-entrada para estudantes e pessoas acima de 60 anos | Grátis aos sábados
Acessibilidade no local – Bicicletário na calçada da instituição
www.museudaimigracao.org.br

Memorial da Inclusão
Endereço: Av. Auro Soares de Moura Andrade, 564 – Barra Funda
Tel: (11) 5212.3727 e 5212.3700
Horário: De segunda a sexta-feira, das 10h às 18h e aos sábados 13h às 17h.
http://www.memorialdainclusao.org.br/

Museu da Diversidade Sexual
Rua do Arouche, 24 – Estação República do Metrô – Piso Mezanino, loja 518
(11) 3339-8078
Funcionamento: terça a domingo, (fechado às segundas) das 10h00 às 18h00
Entrada gratuita
Acessibilidade no local
www.mds.org.br

Museu Afro Brasil
Av. Pedro Álvares Cabral, s/nº – Pavilhão Manoel da Nóbrega – Parque do Ibirapuera, portão 10 – São Paulo-SP
Tel.: (11) 3320-8900
Funcionamento: terça a domingo, (fechado às segundas), das 10h00 às 17h00 (permanência até às 18h00)
Estacionamento pelo portão 3 (Zona Azul)
Acessibilidade no local
www.museuafrobrasil.org.br

Memorial da Resistência
Endereço: Largo General Osório, 66 – Santa Ifigênia
Telefone: 55 11 3335-4990
Funcionamento: quarta a segunda (fechado às terças), das 10h00 às 17h30
Entrada gratuita
http://www.memorialdaresistenciasp.org.br

Museu da Imagem e do Som – MIS-SP
Endereço: Av. Europa, 158 – Jardim Europa – São Paulo-SP
Tel.: (11) 2117-4777
Funcionamento: terça a sábado, (fecha às segundas) 10h00 às 21h00 | domingos e feriados, 9h00 às 19h00
Estacionamento pago no local
Entrada gratuita às terças-feiras. Aos sábados, acesso grátis às exposições do térreo e do acervo – consulte os valores dos ingressos das exposições e eventos
Acessibilidade no local
www.mis-sp.org.br

Museu do Futebol
Praça Charles Miller, S/N – Pacaembu, São Paulo- SP
Tel.: (11) 3664-3848
Funcionamento: terça a domingo, das 9h00 às 18h00 (Bilheteria até às 17h00)
R$ 12,00 | Grátis às terças-feiras
Estacionamento na Praça Charles Miller (Zona Azul)
www.museudofutebol.org.br

Pinacoteca de São Paulo
Praça da Luz, 02
Tel.: (11) 3324-1000
Funcionamento: quarta segunda, das 10h00 às 17h30, com permanência até 18h00
Entrada R$ 6,00 | Meia entrada R$ 3,00 | Gratuito aos sábados
www.pinacoteca.org.br

Museu de Arte Sacra
Endereço: Avenida Tiradentes, 676 – Luz
Telefone: 11 3326-3336
Funcionamento: terça a domingo, das 9h às 17h
Entrada R$ 6,00 | Meia entrada R$ 3,00 | Gratuito aos sábados
http://www.museuartesacra.org.br

Museu da Casa Brasileira – MCB
Endereço: Av. Faria Lima, 2.705 – Jd. Paulistano
Tel.: (11) 3032-3727
Funcionamento: de terça a domingos, das 10h00 às 18h00.
R$ 10 e R$ 5 (meia-entrada); crianças até 10 anos e maiores de 60 anos são isentos; pessoas com deficiência e seu acompanhante pagam meia-entrada
Gratuito nos finais de semana e feriados
Acessibilidade no local – Bicicletário com 40 vagas – Estacionamento pago no local
www.mcb.org.br

Museu Felicia Leirner – Campos do Jordão
Av. Dr. Luis Arrobas Martins, 1.880 – Campos do Jordão/SP
Tel.: (12) 3662-6000
Funcionamento: terça a domingo, (fechado às segundas) das 9h00 às 18h00
Estacionamento gratuito no local
Cidadãos jordanenses não pagam mediante apresentação de comprovante de residência
Entrada: inteira R$10,00 e meia R$5,00 (estudante e idoso) – gratuita aos domingos
Acessibilidade no local
www.museufelicialeirner.org.br

Museu do Café – Santos
Rua XV de novembro, 95 – Centro – Santos-SP
Tel.: (13) 3213-1750
Funcionamento: terça a sábado, (fechado às segundas) das 9h00 às 17h00 | domingo das 10h00 às 17h00
R$ 10,00| Grátis aos sábados
Acessibilidade no local
http://www.museudocafe.org.br/

Museu Casa de Portinari – Brodowski
Praça Candido Portinari, 298 – Brodowski/SP
(16) 3664-4284
Funcionamento: terça a domingo, (fechado às segundas) das 9h00 às 18h00
Entrada: ingresso voluntário
Acessibilidade no local
www.museucasadeportinari.org.br

Museu H. P. Índia Vanuíre
Rua Coroados, nº 521, Centro – Tupã/SP
Tel.: (14) 3491-2333
Funcionamento: de terça a domingo, (fechado às segundas) das 9h00 às 17h00
Ingresso voluntário
Acessibilidade no local
www.museuindiavanuire.org.br