COMPARTILHE
Ilustração de Beatrice
Nas ilustrações de Beatrice Alemagna, a delicadeza cotidiana

Um velho senhor a encontrou dentro de um floco de neve e, por um momento, era como se tivesse voltado a ser criancinha. Muitas crianças, ao crescerem, descobrem que ela não está mais dentro de uma caixa de brinquedos ou de uma lata de balas. É uma pequena coisa que passa por todo lado, está em toda parte, mas é invisível aos olhos. Alguns tentam apanhá-la no ar, outros comprá-la com dinheiro e fechá-la numa caixa. Inútil! Há também aqueles que a têm, muitas vezes, bem debaixo do nariz, mas não conseguem percebê-la. O que será essa pequena coisa que só faz passar e é capaz de abrir sorrisos, despertar medo e fazer um homem adulto chorar de nostalgia? Para elucidar esse mistério, é preciso ler o livro Pequena Coisa Gigantesca, escrito e ilustrado pela italiana Beatrice Alemagna, ganhadora de diversos prêmios literários, entre eles o Andersen de melhor Ilustradora. Da primeira à última página, a obra é permeada por uma poeticidade que abre os olhos do leitor para a beleza presente nas coisas simples e cotidianas da vida.


Pequena Coisa Gigantesca, de Beatrice Alemagna. Tradução de Monica Stahel. São Paulo, Editora WMF Martins Fontes, 2014

Outras indicações de leitura de Carta Fundamental

Chega 
de princesas
Nem todas as meninas precisam usar coroas, casar com príncipes e morar em castelos para ser felizes para sempre. Aliás, muito melhor poder brincar e ser especial por outros motivos. Com bom humor, a autora Blandina Franco desconstrói, a cada página, esse estereótipo tão presente na literatura infantil voltada para as meninas. No lugar da princesa que habita um reino distante, uma menina comum com cabelos desgrenhados, que não gosta muito de tomar banho e mora em “uma casa aqui perto, logo ali virando a esquina”. A beleza da obra fica por conta das ilustrações de José Carlos Lollo, criadas com tecido de estopa bordado.
Este Não É um Livro de Princesas, de Blandina Franco. Ilustrações de José Carlos Lollo. São Paulo, Peirópolis, 2014

Lembranças 
da vovó
Escrito pelo educador italiano Roberto Parmeggiani, o livro A Avó Adormecida aborda com delicadeza um tema complexo para as crianças: a perda de um ente querido. O livro também é uma ode à relação tão especial que existe entre avós e netos, um amor tão imenso “que é capaz de fazer uma criança desaparecer dentro dele”. Parmeggiani inspirou-se nas memórias de sua própria nona para escrever a narrativa, que enchia a casa com cheiro de pão assado, gostava de beber limonada, fazer molho de tomate e admirar o mar. As belas ilustrações são contribuições do português João Vaz de Carvalho.
A Avó Adormecida, de Roberto Parmeggiani. Ilustrações 
de João Vaz de Carvalho. 
São Paulo, Editora DSOP, 2014

Sem palavras
Se a grande fantasia está dentro da cabeça das crianças, o que pode ser maior do que um livro sem palavras? As ilustrações de O Guarda-Chuva mostram um gato em uma viagem epopeica por 17 lindas imagens em páginas duplas dos holandeses Ingrid e Dieter Schubert. Em meio a ventanias, caminhando sobre as nuvens, sobrevoos sobre a vida selvagem, mergulhos no oceano ou usando o apetrecho como escudo, ele vive fortes emoções e carrega junto os leitores. Indicado pela Editora Brinque Books para crianças de 3 anos, pode arrancar boas interpretações também entre os mais velhos.
O Guarda-Chuva, de Ingrid e Dieter Schubert. São Paulo, Brinque-Book, 2014

Temas 
importantes
“Vejo por aí muita criança perguntando e não vejo ninguém com paciência para explicar as coisas para elas.” Assim o educador e antropólogo Darcy Ribeiro começou o texto sobre Sabedoria, um dos 36 itens que ele trata “tim-tim por tim-tim” em Noções de Coisas. O livro de 75 páginas publicado originalmente em 1995, dois anos antes de sua morte aos 74 anos, é dirigido a crianças curiosas com tudo. Entre os temas estão assuntos como Doutores, Eletricidade, Sereias, Gerações, Conselhos e Pulgas, sempre tratados com leveza e crítica que prendem a atenção. Nesta nova edição, os textos ganham ilustrações de Mauricio Negro, especialista nos temas socioambientais, étnicos e mitológicos.
Noções de Coisas, de Darcy Ribeiro, com ilustrações de Mauriwcio Negro. São Paulo, Global, 2014