COMPARTILHE

Ninguém gosta de Ernesto. Dizem que ele é esquisito, se veste com roupas velhas, é burro, muito calado e tem a língua enrolada. Só porque ele não é igual a todo mundo, dizem que ele é bobo e não sabe como agradar as outras pessoas.


O problema é que sempre alguém diz algo sobre Ernesto sem conhecê-lo direito. E, no fim, Ernesto vive muito muito sozinho. E muito muito triste. Fim.

Não gostou do fim da história? Mas é assim que muitas podem terminar. E as pessoas pensam que quando acaba assim não é culpa de ninguém, quando na verdade é.

No livro de Blandina Franco, Ernesto é um ser diferente que passa os dias sozinho porque, no fim, às vezes as pessoas dizem coisas sobre as outras sem saber direito o que estão falando.

Ernesto, que sai pela Companhia das Letrinhas, é escrito pela autora de Quem soltou o pum? (2010) e Isso é meu! (2015) e ilustrada por José Carlos Lollo. Nele, a ideia é questionar o que é ser diferente e refletir se quem não é como a maioria das pessoas merece mesmo toda essa solidão.

Ernestolamina06Ernesto

Autor: Blandina Franco

Ilustração: José Carlos Lollo

Companhia das Letrinhas, 2016